Siga minhas redes

O que é accountability nas empresas e como colocá-la em prática

Carreira

Compartilhe nas redes

accountability_o que e

Entender o que é accountability nas empresas é importante para todos aqueles que buscam construir uma gestão ágil e sabem que é necessário que determinados valores e princípios sejam implementados para que a inovação aconteça. 

Mas o termo accountability é bastante amplo e pode ter diferentes significados. Por isso, neste artigo, ele será compreendido dentro do universo corporativo e suas necessidades. Além disso, vamos mostrar quais práticas e estratégias você pode aplicar no seu negócio para que a accountability faça parte da organização. Continue lendo e entenda!

Qual o conceito de accountability?

Tempos atrás, o termo accountability era mais utilizado no que dizia respeito à prestação de contas e transparência fiscal. Na gestão pública, ele ainda é empregado com esse sentido, mas o conceito foi ampliado. 

Hoje, a accountability nas empresas está relacionada ao compromisso organizacional de lideranças e pessoas colaboradoras de melhorar a performance para alcançar resultados, assim como garantir a transparência dos atos, a responsabilização e o protagonismo na execução de suas próprias tarefas. 

Diferença entre accountability contábil e organizacional

Sendo assim, o significado amplo de accountability nas empresas não diz respeito à gestão financeira ou à prestação de contas. Esses dois fatores são importantes, mas o termo abrange outros aspectos. 

O engajamento e a responsabilidade dos colaboradores da empresa é que fazem a diferença para que esse conceito seja aplicado. Tem menos a ver com uma prestação de contas de algum resultado que não saiu como o esperado; e muito mais com o sentido de cumprir com um compromisso e assumir um comportamento estratégico na organização. 

Isso significa exigir, além da execução de um conjunto de tarefas e compromissos de rotina, um protagonismo nas relações de trabalho para que todas as pessoas da empresa tenham forte sentimento de pertencimento, responsabilizando-se e prezando pela qualidade e transparência das ações. 

O que é accountability nas empresas?

Dessa forma, a accountability no ambiente de trabalho consiste em exigir o compromisso com a transparência e resultados em todos os níveis hierárquicos. Afinal, cada pessoa possui uma função que impacta direta ou indiretamente no trabalho de outra. 

Portanto, se todos não estiverem cientes de seus compromissos e executá-los adequadamente, a empresa não desenvolve uma mentalidade de colaboração e crescimento. Esse aspecto é essencial para buscar uma cultura da inovação nos processos organizacionais.  

O artigo, “Inovação nas empresas: como a união de esforços gera resultados”, trata sobre alguns pontos relevantes para fazer a inovação acontecer, o papel do mindset colaborativo e o protagonismo das lideranças dentro desse contexto. 

Tendo isso em mente, compreendemos que a responsabilidade não é apenas da gestão. Afinal, existem diversas atividades executadas por diferentes equipes e impactam diretamente nos resultados. 

Mas é papel da gestão assegurar que os colaboradores estejam engajados em evoluir sua performance, buscando otimizar processos e obter melhores resultados para a empresa, mesmo diante de cenários complexos e de incertezas. 

Quais são os fundamentos da accountability? 

O livro “O Princípio de Oz: Como usar o accountability para atingir resultados excepcionais” faz uma analogia com a história de O Mágico de Oz, cujos personagens buscam seus sonhos e se dão conta do próprio protagonismo durante a jornada. 

Na obra, os autores Roger Connors, Tom Smith e Craig Hickman também expõem alguns fundamentos da accountability: 

  • ver: identificar e reconhecer o desafio ou problema a ser solucionado;
  • assumir o que é: apropriação do desafio ou problema a ser resolvido, ou seja, você sabe que ele existe e busca entender suas particularidades; 
  • agir sobre: análise para a formulação de soluções para o desafio ou problema; 
  • resolver: por fim, a implementação das soluções encontradas no tópico anterior. 

A importância da accountability para o clima organizacional 

Alcançar resultados é muito mais difícil sem que os colaboradores consigam alinhar desejos pessoais e trajetória profissional. É aí que entra a importância da accountability nas empresas. 

Um exemplo disso: quando uma pessoa colaboradora está engajada, ciente de seu papel, dos seus objetivos e dos da companhia, mais propensa ela está para abraçar ideias e projetos com assertividade. 

À medida que esse comportamento é incentivado em toda a equipe, o clima organizacional evolui em unidade e satisfação. 

Vantagens da accountability nas empresas

Você já deve ter imaginado quais benefícios o accountability pode trazer para a sua organização. Mas, caso tenha ficado alguma dúvida, confira abaixo uma lista objetiva sobre as vantagens que você e sua equipe podem conquistar:

  • obtenção de melhores resultados a partir das metas e objetivos traçados;
  • mais assertividade em campanhas e projetos que exijam envolvimento de equipes e setores diferentes; 
  • identificação de gargalos e dificuldades de pessoas colaboradoras com o objetivo  de contribuir com o desenvolvimento de habilidades; 
  • aquisição de mais confiança na própria atuação como liderança e em sua equipe; 
  • redução de conflitos, afinal a transparência e a autorresponsabilidade são fundamentais para identificar e resolver conflitos de forma construtiva, além de promover uma cultura de aprendizado contínuo e melhoria dentro da empresa;
  • maior compreensão do perfil de cada pessoa da equipe e de como é possível incentivar o protagonismo ou até mesmo, aprender a lidar com o protagonismo já demonstrado por alguém.

Como colocar accountability em prática nas organizações?

Apesar de extremamente benéfico, transformar a accountability em um elemento central da cultura organizacional demanda esforço e compromisso. 

A resistência à mudança, a falta de comunicação e a mentalidade arraigada de alguns profissionais pode ser difícil de transpor. Mas isso não significa que você deva desistir. Com algumas atitudes e processos, é possível implementar essas mudanças no ambiente de trabalho. Confira algumas práticas a seguir!

Incentivar lideranças inovadoras 

A liderança desempenha um papel fundamental na criação e sustentação de uma cultura de accountability nas empresas. Para isso, é fundamental que os líderes saibam demonstrar accountability em suas próprias ações e incentivem um ambiente de confiança e responsabilidade entre os membros da equipe.

Também é essencial que a liderança inovadora atue com menos controle, mais transparência e mais flexibilidade. Em nosso webinar, falamos um pouco mais sobre essas habilidades. Confira abaixo!

Alinhar expectativas

Uma liderança inovadora sempre expõe o que é esperado de cada pessoa do time, esse é um dos passos mais importantes para desenvolver a accountability nos colaboradores. Isso significa falar sobre resultados, metas e desenvolvimento deste profissional, mas também ser transparente no que se refere à análise do desempenho.

Além disso, é importante dar espaço para que o profissional se expresse e se alinhe às expectativas do gestor em relação ao trabalho. Afinal, pode ser que a entrega exigida não corresponda com os desafios profissionais que ele pretende abraçar. 

Desenvolver habilidades necessárias

É importante deixar claro quais são as habilidades necessárias para executar as atividades e entregas de resultados esperados de cada um. Caso a pessoa não conte com uma hard ou soft skill específica, existe um plano de ação para que isso seja desenvolvido? Caso exista, o quanto ele foi alinhado entre liderança e liderado/a? 

É responsabilidade da empresa e da liderança pensar nesse ponto em conjunto com o time e oferecer oportunidades de desenvolvimento, como programas de treinamento, workshops, mentorias, entre outras.

No caso de a educação corporativa não ser o foco da sua empresa neste momento, é preciso delegar a atividade para outro colaborador ou colaboradora do time. Caso contrário, estará conduzindo o profissional para o erro, desmotivação.

Implementar a análise de desempenho frequente

Nós já falamos sobre isso no primeiro tópico, mas é importante reforçar: a pessoa colaboradora precisa saber como, quando e pelo o quê será cobrada. 

Isso pode ser acordado na própria reunião de expectativa. Caso a organização conte com ferramentas de metodologias ágeis, a exemplo do OKR (Objectives and Key Results), explique de forma transparente como a metodologia funciona e destaque principalmente as vantagens delas para o desenvolvimento profissional do colaborador.

Caso o desenvolvimento de alguma atividade não esteja saindo como o esperado, crie um plano de ação para que esse gargalo seja corrigido.

Promover uma cultura de feedback contínuo

Uma cultura de feedback contínuo possui inúmeros benefícios: aumenta a colaboração, melhora a comunicação, estimula o progresso e impacta diretamente na motivação e até no surgimento de ideias inovadoras

Se você alinhou as expectativas, as habilidades necessárias e a forma com que o desempenho da pessoa será medido, fica mais simples coletar fatos para oferecer o feedback para a equipe.

Expectativas alinhadas, resultados também 

É importante que esteja claro qual será a ação caso o colaborador ou colaboradora não tenha desenvolvido a responsabilidade e entregue menos do que era esperado.

Neste caso, existem três opções: 

  • repetir o processo;
  • recompensar com uma promoção ou outro tipo de reconhecimento;
  • caso você esteja realmente certo de que cumpriu com todas as opções acima, você pode pensar em mudar a pessoa de função ou convidá-la para um novo alinhamento de expectativas.

Todas essas etapas são complexas, mas com comprometimento da gestão e da equipe, é possível construir uma cultura de autorresponsabilidade e confiança que melhora o desempenho dos profissionais e a inovação na empresa. 

Se você tem interesse em saber mais sobre o assunto, conheça nosso Workshop: Accountability e Protagonismo e leve essa discussão para a sua organização! 

Palestras
Algoritmo da vida
A vida nem sempre segue um padrão lógico e previsível, mas pode ser compreendido e identificado.
CONTRATAR
Cultura organizacional para inovação​
Não basta criar soluções disruptivas sem fomentar um ambiente de trabalho com uma cultura forte.
CONTRATAR
Fluxo da vida e o tempo
A importância de compreender e aceitar o ritmo natural da vida e a relação do tempo com esse fluxo.
CONTRATAR
Futuro do trabalho e inteligência artificial​
As empresas precisam se preparar para as novas formas de trabalho e ampliar a colaboração entre as pessoas.
CONTRATAR
Inovação é feita de gente​
Aborda as habilidades fundamentais e as condições necessárias para promover a inovação com pessoas e não apenas com tecnologia.
CONTRATAR
Liderança ambidestra e exponencial​
Líderes ambidestros inovam de forma permanente, sem abrir mão da eficácia operacional.
CONTRATAR

Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo

Conheça meus livros

Artigos relacionados

Inovação

A falácia do autosserviço como inovação 

Você já parou para pensar sobre o papel do autosserviço nas empresas modernas? É comum associarmos essa prática à inovação e eficiência, mas será que essa é realmente a realidade?

Fique por dentro!

Assine nossa newsletter e receba nosso conteúdo.

Ao preencher o campo acima você concorda com nossa Política de Privacidade.